Talvez fosse tarefa mais confortável tratar da temática alicerçada em alguns papéis existenciais que visto corriqueiramente e me permitem ampliar movimentos sem grandes apertos: a pesquisadora, a filósofa, a terapeuta… Se por um lado neles me acompanha o enraizamento protetor e fronteiriço das teorias aplicadas, por outro me afastam da abertura necessária para expansão perceptiva plástica que brota do livre circular e faz de mim representante singular do humano feminino mulher: meu lugar de experiência, de escuta e de fala.

Há muito percebo a ironia contida na nossa maior facilidade em despir corpos do que desnudar almas e ideias. Justo…

Ana Rita de Calazans Perine

Artes, Ciências e Humanidades - Dinamismo e Incertezas - Filosofia e Espiritualidade - Cidadania

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store